Uma vida nova sem ansiedade

A ansiedade carrega consigo muitos malefícios que prejudicam a saúde e o bem-estar das pessoas. Esse sentimento de apreensão constante, causa complicações não só psicológicas como também pode afetar a saúde física com doenças como: úlceras, taquicardia, hipertensão e gastrite. E não para por aí, caso você esteja querendo emagrecer ou manter o peso, fique sabendo que a ansiedade pode intervir no seu apetite, fazendo com que você fique mais propenso a engordar. A explicação da relação entre a ansiedade e o aumento do apetite é simples: o ser humano sente prazer ao comer.

Os açucares são os mais prazerosos por liberarem endorfina, que produz a sensação de bem-estar. Isso faz com que as pessoas relacionem o fim da ansiedade, que na verdade está sendo apenas camuflada, com prazer momentâneo. Essa atitude, quando muito constante pode tornar-se um vício, fazendo com que as pessoas percam o controle de sua alimentação e aumentando as chances de obesidade, nos momentos mais vulneráveis.

Deixar de ficar ansioso não é uma tarefa difícil. Para amenizar ou afastar esse estado mental negativo, separamos pequenas dicas, simples de serem feitas, para uma vida mais harmoniosa e distante das preocupações diárias.

1-  Todo dia, por menor tempo que seja, faça o que você realmente gosta. Algo que te faça pensar no quanto você é bom.

2- O trânsito não é um momento pra se estressar, e sim para refletir.

3- Saia com pessoas que te fazem bem, converse, almoce, marque algo nem que seja por 15 minutos. Pessoas solitárias são mais propensas a hipertensão.

4- Hoje é hoje, amanhã é um outro dia. Essa uma dica muito valiosa, mantenha o foco nas coisas que você deve fazer hoje, o que te aguarda amanhã não deve interferir de maneira precipitada no seu dia.

5- Diga adeus para a tensão, não fique sobrecarregada. Relaxe a musculatura fazendo movimentos circulares com os ombros e pescoço, lentamente.

6- Lembre-se: sorrir é o melhor remédio. Ajuda a aliviar o momento, distrai e ainda contagia as pessoas que estão a sua volta.

7- Não durma com esse sentimento negativo, faça algo que, normalmente, te deixa feliz ou calmo antes de se deitar.

8- Chás são uma ótima aposta, invista em camomila, erva cidreira e outros que ajudam a acalmar os ânimos.

9- Usar a linguagem corporal ajuda. Toque as pessoas, objetos, tudo! O toque passa segurança. E isso significa: mais abraços.

10- Não desconte sua ansiedade na comida.

Para quem tem filho:

11- O estado emocional dos adultos, influenciam no comportamento das crianças. Não deixe transparecer esse lado negativo no ambiente familiar, deixe as preocupações do trabalho no trabalho.

12- Brincar com os filhos é uma atividade que beneficia ambos os lados. Além de distrair os pais com algo positivo, alegra os filhos e estabelece uma relação mais próxima no núcleo familiar.

Agora que você já sabe como evitar esse transtorno psicológico, fica válido um último lembrete:

Os malefícios indicados no texto são referentes a um estado de ansiedade elevado. Quando se trata apenas de pequenas doses, a ansiedade pode ser algo positivo. Quando não está em seu nível prejudicial, é vista como um desafio. E isso faz com que as pessoas instiguem a si mesmo a desvendar os níveis de seu potencial, ajudando a se manter longe de uma zona de conforto não recomendada.

Deixe uma resposta