Saiba como evitar a retenção hídrica e o inchaço

A retenção hídrica, ou retenção de líquido, é causada pelo acúmulo de líquidos nos tecidos e pode ser percebida por meio do inchaço de uma ou mais partes do corpo, sendo mais frequente de acontecer no rosto, barriga, pernas, braços e costas.

É razoavelmente comum as pessoas sentirem que estão “retendo líquidos”. As pernas inchadas no final do dia, com marcas de pressão das meias ou dos sapatos, são um exemplo de edema – termo médico que se refere ao inchaço.

O edema é o resultado do extravasamento de um líquido (pobre em proteínas do sangue) que sai dos vasos sanguíneos e vai para o tecido subcutâneo.

Esse líquido confere o aspecto inchado e brilhante da pele, muitas vezes compressível por acessórios do vestuário ou mesmo com a pressão dos nossos dedos sobre a pele, deixando, transitoriamente, uma marca ou um sulco.

Além disso, é comum que na retenção de líquido exista diminuição da quantidade de urina produzida e liberada por dia.

Para saber se está com retenção de líquido, basta pressionar o local que está inchado por cerca de 30 segundos. Caso a região fique marcada é indicativo de que há acúmulo de líquidos no local.

É muito frequente ocorrer no período da menstruação, percebida por meio do aumento do volume abdominal. No entanto, à medida que o ciclo menstrual passa, o excesso de líquidos acumulados é eliminado naturalmente.

Além de acontecer durante o período menstrual e a gravidez, a retenção de líquidos pode ocorrer devido a outros fatores como:

  • Alimentação rica em sal;
  • Diminuição da quantidade de líquidos consumidos diariamente;
  • Permanecer muito tempo parado na mesma posição;
  • Uso de alguns medicamentos, incluindo os anticoncepcionais e alguns hipertensivos que podem alterar a permeabilidade dos vasos sanguíneos;
  • Períodos de grande variação hormonal;
  • Problemas nos rins;
  • Doenças do fígado;
  • Problemas cardíacos;
  • Alterações no funcionamento da tireoide;
  • Reações inflamatórias, como as que ocorrem em reações alérgicas, que alteram a capacidade dos vasos de extravasar os líquidos.

Dicas para evitar a retenção hídrica e o inchaço:

  • Alimentação adequada, saudável e balanceada;
  • Ingestão adequada de frutas, verduras, leguminosas e oleaginosas, já que esses alimentos contêm substâncias antioxidantes e desintoxicantes;
  • Cuidar do intestino para o seu melhor funcionamento;
  • Fibras, que auxiliam na formação do bolo fecal, como mamão, laranja, abacaxi, melancia, ameixa, pepino, alface, limão, beterraba, cenoura, salsa, agrião, entre outros, devem fazer parte da dieta;
  • Ingestão adequada de água, pelo menos 2 litros por dia, ajuda a produzir mais urina, fazendo com que elimine as toxinas do organismo;
  • Prática de atividade física estimula o movimento espontâneo intestinal e é uma excelente forma natural de desinchar o corpo;
  • Os cereais integrais, como pão integral, pão de centeio, farelo de aveia, farelo de trigo e arroz integral colaboram para um bom funcionamento intestinal;
  • Consumo de chás, como o dente-de-leão, boldo, hibisco e verde, pois têm função diurética;
  • Potássio pode reduzir a retenção de água aumentando a produção de urina e diminuindo a quantidade de sódio no corpo.

Quando a retenção é grave ou causada por doenças renais ou cardíacas, é indicado acompanhamento médico.

Agora que você já sabe como reduzir a retenção hídrica e o inchaço, confira as dicas para ativar seu metabolismo.

Larissa Reis

Larissa Reis Coelho Amaro
Nutricionista Clinica.
Atendimento em consultório
Formada em Modulação Intestinal
@nutri.larissaamaro

16 Respostas

  1. Sonia Regina Amaro
    | Responder

    Acabei de ler o artigo sobre Retenção de Líquidos Gostei muito dos ensinamentos e a maneira como foi colocado para pessoas leigas.Esses artigos são muito importantes para a mudança de hábitos errados.Parabens para a nutricionista e a iniciativa Do Congelados da Sônia.Acrefitem,aprendi muito.Que venham outros artigos interessantes para aprendermos mais.Obrigada!

    • Fernanda Pimenta
      | Responder

      Ficamos muito felizes que gostou da nossa matéria.
      Não esqueça de acessar nossas redes sociais para ter outras dicas!

  2. Erica
    | Responder

    Esse artigo ajudou muito! Obrigada!

    • Fernanda Pimenta
      | Responder

      Ficamos muito felizes que gostou da nossa matéria.
      Não esqueça de acessar nossas redes sociais para ter outras dicas!

  3. Rodolfo Sergio
    | Responder

    Muito bom . Obrigado por essa informação. Parabéns .

    • Fernanda Pimenta
      | Responder

      Ficamos muito felizes que gostou da nossa matéria.
      Não esqueça de acessar nossas redes sociais para ter outras dicas!

  4. Marilene Queiroz
    | Responder

    Muito boa explicação sobre inchaço.

    • Fernanda Pimenta
      | Responder

      Ficamos muito felizes que gostou da nossa matéria.
      Não esqueça de acessar nossas redes sociais para ter outras dicas!

  5. Beatriz Azeredo
    | Responder

    Matéria muito bacana e bem explicativa! Parabéns!

    • Fernanda Pimenta
      | Responder

      Ficamos muito felizes que gostou da nossa matéria.
      Não esqueça de acessar nossas redes sociais para ter outras dicas!

  6. Flávia Valle
    | Responder

    Excelente matéria!

    • Fernanda Pimenta
      | Responder

      Ficamos muito felizes que gostou da nossa matéria.
      Não esqueça de acessar nossas redes sociais para ter outras dicas!

  7. Daniel Franco
    | Responder

    Muito eficiente

    • Fernanda Pimenta
      | Responder

      Ficamos muito felizes que gostou da nossa matéria. Não esqueça de acessar nossas redes sociais para ter outras dicas!

  8. Daniel Franco
    | Responder

    Ótima orientação

    • Fernanda Pimenta
      | Responder

      Ficamos muito felizes que gostou da nossa matéria. Não esqueça de acessar nossas redes sociais para ter outras dicas!

Deixe uma resposta