TELEVENDAS: RJ (21) 3461-9779 / 3878-8838 | SP (11) 4007-2196 (21) 9 9996-6578
Notícias

Obesidade infantil: estudos apontam aumento no número de crianças acima do peso

obesidade infantil A globalização, a “falta” de tempo e mudanças que migram para um estilo de vida com padrão alimentar inadequado e inatividade física, deixam claro que o Brasil passa por um período de transição epidemiológica, onde se predomina as doenças crônico-degenerativas. Essa transição faz com que os índices de desnutrição diminuam e a obesidade infantil atinja proporções epidêmicas.

O relatório do International Obesity task Force (IOTF)  registra um aumento gradual de crianças na faixa de 5 a 17 anos, com aumento de peso. No Brasil, essa realidade também acontece. Segundo pesquisa realizada pelo IBGE, os dados apontam excesso de peso que varia entre 10,8 e 33,8, dependendo  da região.

Fatores que influenciam nesse ganho de peso estão relacionados a desmame precoce, introdução de alimentos complementares não apropriados, emprego de farinhas e fórmulas lácteas inapropriadas e distúrbios alimentares.

Na faixa etária de crianças de 7 a 9 anos, esse aumento de peso está relacionados a maiores complicações cardiovasculares, metabólicas, psicológicas e ortopédicas e um grande fator de risco para obesidade na vida adulta. Uma criança acima do peso, provavelmente será um adulto que “brigará” com a balança pelo resto de sua vida.

O tratamento nutricional deve ser tratado de forma individualizada, instituído de maneira gradativa, para que a criança ou adolescente, junto com a sua família possam mudar os hábitos. Como orientações gerais, devemos diminuir os alimentos industrializados e procurar usar alimento in natura. Trocas inteligentes são: sucos prontos por sucos in natura, biscoitos industrializados por frutas ou sanduíches saudáveis, redução ao máximo de alimentos embutidos como salsichas e frios em geral, alimentos enlatados  e produtos de panificação em geral.

Vamos tentar? A melhor herança que você pode deixar para o seu filho é o carinho...alimentação e saúde fazem parte desse processo. Afinal, criança não vai ao supermercado sozinha, né?

_______________________________________________________________________________________________ Doutora Ana Cristina Teixeira, nutricionista                      

Dra. Ana Cristina Teixeira é nutricionista esportiva e clínica, mestre pela UERJ e professora da UCB e da Pós Graduação da UBM.

Consultório: Avenida Olegário Maciel, 260, Atp 212 - Barra da Tijuca - Rio de Janeiro (RJ).

Telefone: (21) 2491-6423 -

Email: ana@suaopcaosaudavel.com.br

compartilhe essa postagem em suas redes sociais!

Postagens relacionadas

Clipping Ceia de Natal Light

  A Congelados da Sônia apareceu no site da Revista Veja Rio, na matéria " Ceia de Natal Light" com destaque para o Tender Festivo da chef Lê Carpê.

Leia mais

Congelados da Sônia no site Seu Corpo Perfeito e mais

A Congelados da Sônia é sempre notícia em sites e blogs sobre saúde, bem-estar e alimentação saudável. Neste mês, as nossas dicas para curtir o Carnava

Leia mais

Mitos sobre comida congelada e outras notícias da Congelados da Sônia

Você já deve ter ouvido falar que refeições congeladas não têm sabor, que são inimigas da dieta e t&eci

Leia mais

faça parte da nossa comunidade

NÃO PERCA NENHUMA NOVIDADE

ENCONTRE-NOS POR AQUI TAMBÉM!

Rua São Luis Gonzaga, 2063, Benfica

Rio de Janeiro - CEP 20910-063


TELEVENDAS

RJ (21) 3461-9779 / 3878-8838

SP (11) 4007-2196

(21) 9 9996 6578

2ª A 6ª - 9:00 ÀS 17:00