Dietas da moda: armadilhas propagadas pela mídia

De um modo geral, dietas da moda prometem emagrecimento rápido e sem muito esforço. São dietas que ajudam a vender revistas, mas que não recebem apoio dos nutricionistas e médicos. Elas podem ser perigosas, uma vez que a maioria não é balanceada e pode causar deficiência de certos nutrientes. Além disso, emagrecer muito rapidamente, a menos que seja sob orientação médica e nutricional muito específica, não é saudável.

Outro problema com as chamadas “dietas da moda” é que, apesar de prometerem emagrecimento em curto prazo, ao restringir radicalmente a ingestão de calorias, elas dificilmente podem ser mantidas por um longo período de tempo. Desta forma, na maioria das vezes, a pessoa recupera o que emagreceu e chega até a engordar mais do que antes, sofrendo o famoso “efeito sanfona”.

Em vez de embarcar nessas promessas muitas vezes bizarras de emagrecimento rápido, consulte um nutricionista e veja o que realmente pode funcionar – e ser saudável – para o seu organismo. Mais de uma vez falamos isso no nosso blog, mas há coisas que devem ser lembradas de vez em quando mesmo: muito melhor do que tratar o emagrecimento como “dieta”, com começo, meio e fim, é tratá-lo como uma mudança duradoura na relação com os alimentos – ou seja, a “velha” e boa e saudável reeducação alimentar.

Postagens Relacionadas

2 Respostas

  1. Edna de Araujo
    | Responder

    Sonia: gostria de saber se nesta crítica inclui a nova orientação da nutrilção funcional, com a detoxicação?
    Pergunto pq esta é uma dieta dada por nutricionistas,ok?
    Abs
    Edna

    • Congelados da Sônia
      | Responder

      Olá, Edna
      Neste post, nossa intenção foi a de alertar sobre dietas da moda, pois as mesmas na maioria das vezes não possuem embasamento científico ou acompanhamento de um nutricionista/médico. Recomendamos uma alimentação balanceada tanto para emagrecimento ou reeducação alimentar. A dieta que preconiza alimentos funcionais ou desintoxicantes é válida e deve ser supervisionada sempre pelo profissional nutricionista, que a recomendará no momento certo.
      Abraços

Deixe uma resposta