logoblog

Conheça alguns mitos sobre alimentação saudável

Existem diversos mitos sobre alimentação saudável que podem contribuir negativamente para a sua dieta e mais do que isso, podem contribuir para o desequilíbrio da alimentação e acabar ocasionando sérios problemas de saúde.

Abaixo estão alguns dos maiores mitos:

Mito 1: a gordura dos alimentos é uma vilã?

Evitar alimentos gordurosos pode levar a deficiências de nutrientes importantes e hormônios essenciais à nossa saúde e qualidade de vida.

Pode inclusive aumentar o risco de desenvolver algumas doenças como depressão, demência, Alzheimer entre outros.

A gordura prejudicial para a saúde são as gorduras saturadas hidrogenadas e trans que estão presentes em alimentos altamente industrializados como sorvetes, bolos, biscoitos, fast-foods etc.

Gorduras naturais que são encontradas em peixes, azeite, ovos, castanhas, abacate podem e devem fazer parte da alimentação de quem busca mais saúde.

Mito 2: o consumo de ovos aumenta o colesterol?

O colesterol dos alimentos não tem tanta incidência quanto se acreditava no colesterol total segundo estudos mais recentes.

Uma pesquisa da Universidade de Harvard, com 215 mil pessoas, descobriu que comer um ovo por dia não está associado a um aumento no risco de doenças cardiovasculares.

Ao contrário disso, os pesquisadores descobriram que a ingestão de forma equilibrada ajuda a proteger o corpo contra problemas de saúde, pois são ótimas fontes de vitaminas, minerais e proteínas.

Mito 3: carboidratos engordam mais?

A resposta é não!

O que faz engordar é consumir mais calorias do que estamos gastando, assim como um cálculo matemático.

É preciso mencionar que os carboidratos são nutrientes cuja função é fornecer energia para o funcionamento das células.

Com o estilo de vida que a maioria das pessoas leva hoje em dia, o consumo de carboidratos acaba sendo grande (pois são os mais abundantes no nosso padrão alimentar, além de serem os mais gostosos) na dieta e gastam muito pouco (com pouca ou nenhuma atividade física).

Ou seja, consomem muita energia mas não gastam na mesma proporção. Com isso, acumulam esse excedente de energia e o corpo estoca em forma de gordura.

Mito 4: comer a noite engorda?

Comer à noite não engorda mais ou menos do que comer o mesmo alimento e a mesma quantidade durante o dia.

Acontece que durante a noite, nossa digestão fica mais lenta e com isso, consumir um grande volume de alimentos ou refeições difíceis de serem digeridas acaba atrapalhando o sono. E este ciclo de comer muito, não digerir bem e dormir mal é o que contribui para o ganho de peso.

Mito 5: comida vegana é sinônimo de alimentação saudável?

Por questões ideológicas, culturais ou de saúde, é cada vez mais comum pessoas abandonarem o consumo de todos os alimentos de origem animal como carnes, leite, ovos, mel, queijos etc.

Porém, ser vegano não é sinônimo de ser saudável.

Existem muitos alimentos altamente industrializados de origem vegetal como batata frita, por exemplo.

Um outro aspecto é que excluindo certos alimentos de origem animal, haveria ainda uma possibilidade de faltarem nutrientes na dieta de uma pessoa vegana.

Ou seja, é sim possível ter uma alimentação saudável sendo vegano, mas não em todos os casos. Assim como é possível ser saudável não sendo vegano, pois o que sempre irá prevalecer é o contexto alimentar de cada um.

Jessica Montenegro
@nutrijessicamontenegro
Nutricionista clínica

Postagens Relacionadas

Deixe uma resposta