Antioxidante demais pode fazer mal às células-tronco

Você já pensou que os antioxidantes podem fazer mal ao organismo? Pode parecer estranho, mas uma pesquisa apresentada pela Universidade de Helsinque, na Finlândia, trouxe novos dados sobre o assunto, especialmente relacionados às celúlas-tronco.

Sabe-se que as células-tronco são especialmente sensíveis tanto aos radicais livres quanto aos antioxidantes. O problema parece estar na dose ingerida, tanto de um como de outro. Os radicais-livres são necessários como importantes moléculas de sinalização celular e controlam a função das células-tronco, mas podem provocar danos quando em excesso.

Já os antioxidantes são amplamente utilizados para bloquear os danos causados pelo oxigênio reativo. Alguns deles foram desenvolvidos para se acumular dentro das mitocôndrias, as usinas celulares que usam o oxigênio para produzir energia, o que reforça seus efeitos.

Esta pesquisa comprovou que os antioxidantes direcionados para as mitocôndrias apresentam efeitos tóxicos especialmente sobre as células-tronco neurais.

Os estudos também confirmaram a ideia de que radicais livres em excesso danificam a capacidade pluripotente das células-tronco. Isso significa que tanto os radicais livres quanto antioxidantes demais fazem mal às celulas.

Costuma usar antioxidantes em excesso na sua dieta? Que tal consultar um médico ou nutricionista? Cuide da sua saúde!

Fonte: Diário da Saúde

 

 

Postagens Relacionadas

Deixe uma resposta