5 dicas para ativar seu metabolismo

Existem diversos alimentos que ajudam a ativar o metabolismo e transformam o seu corpo em uma máquina de queimar gordura. Confira as dicas da nossa nutricionista:

1 – Evite alimentos industrializados

Para manter uma alimentação saudável é preciso tomar cuidado com produtos light, diet, zero e outras características. Um alimento zero, por exemplo, não é necessariamente saudável, pois muitos produtos têm substâncias tóxicas para o seu metabolismo.

Além disso, o excesso de aditivos químicos leva as células ao colapso, por isso é importante ler a lista de ingredientes.

Algumas substâncias têm um nome diferente de “açúcar” mas significam a mesma coisa, como:

  • Maltodextrina;
  • Glicose;
  • Frutose;
  • Maltitol;
  • Dextrose;
  • Sucralose;
  • Xaropes;
  • Açúcar de todos os tipos (demerara, mascavo, orgânico, magro, etc.).

Por isso, antes de comprar um produto cuja embalagem está escrito “zero”, leia o rótulo e evite comprá-lo se tiver algum desses componentes, pois são um sinal vermelho para o seu metabolismo.

Dica da Nutri: se você não consegue tomar café sem açúcar, coloque 1 pauzinho de canela dentro da sua xícara de café e deixe por 3 minutos ou mais antes de consumir. A canela dá um gostinho ao café e ainda funciona como um termogênico natural – logo você perceberá sua temperatura aumentar.

2 – Concilie alimentação e atividade física

A alimentação e a atividade física precisam ser aquele casal apaixonado e andar sempre juntos. Por isso, olhe com carinho e descubra uma atividade física que você goste e faça os seus olhos brilharem, como:

  • Caminhada;
  • Corrida;
  • Musculação;
  • Crossfit;
  • Zumba;
  • Pilates;
  • Funcional;
  • Entre outros.

Você deve escolher uma opção que você goste para poder liberar endorfina, o hormônio do prazer. Nada de descontar a ansiedade e o estresse na alimentação, vamos extravasar por meio da atividade física!

Lembre-se que quando liberamos endorfina nosso percentual de gordura diminui significativamente.

Dica da Nutri: antes de fazer a atividade física, faça um shot termogênico. Além de dar uma energia extra ao seu treino, não deixando seu corpo fadigar, também ativará o processo de lipólise (quebra de gordura). Anote a receitinha:

  • 1 limão espremido
  • 1 colher de sobremesa de guaraná cipó
  • 1 pitada de canela
  • 1 colher de chá de açafrão
  • Um pouco de água para diluir

Para potencializar ainda mais a sua quebra de gordura localizada, você também pode fazer 400 ml de chá para derreter a gordura e tomar durante o seu treino. Eu te garanto um resultado incrível!

Receita do chá:

  • 400 ml de água
  • 3 fatias de gengibre
  • 1 pauzinho de canela

Deixe a água ferver por 5 minutos, desligue o fogo e adicione 1 colher de sopa de cavalinha + 1 colher de sopa de hibisco e deixe por 30 minutos. Depois é só coar.

3 – Tenha uma alimentação variada

No processo de emagrecimento é muito importante ter uma alimentação variada, pois quando você come a mesma coisa todos os dias o seu corpo se acostuma com o alimento e não gera um gasto energético.

Então, a dica da Nutri é: fuja da monotonia alimentar, faça um mix de fibras e brinque com os alimentos. Cada dia, coloque uma fibra diferente no seu café da manhã, como:

  • Farinha de linhaça + chia
  • Aveia + canela
  • Chia + quinoa em flocos
  • Entre outros

Tenho certeza que seu metabolismo irá agradecer!

4 – Tenha uma higiene de sono

Enquanto dormimos, nosso sistema de defesa fica ativo silenciando todos os genes que inflamam o nosso metabolismo. Assim, durante o sono acontece a nossa restauração celular.

Por outro lado, quando não dormimos bem, nosso metabolismo entra em colapso e há um aumento do cortisol, o hormônio do estresse.

Quando isso acontece, nosso corpo não consegue “quebrar” gordura e logo aparece aquela barriguinha indesejada.

Por isso, na nutrição funcional, nós temos a estratégia da higiene do sono, que é um shot noturno com fotoquímicos que ativam o processo de queima de gordura enquanto estamos dormindo. Anote:

Receita 1: chá de camomila com casca de maracujá

Ferva 300 ml de água com a casca do maracujá (fruta) por 5 minutos. Depois, desligue o fogo e adicione 1 colher de sobremesa de camomila (erva) ou um sachê daqueles que compramos no mercado. Deixe descansando por 10 minutos e pronto.

Receita 2: chá de hortelã com própolis

Faça 300 ml de chá de hortelã (pode ser tanto o sachê quanto a erva) e, na hora de consumir, pingue 10 gotas de própolis.

ATENÇÃO: grávidas e mulheres que amamentam não podem consumir própolis alcoólico. Nesses casos, o indicado é o própolis aquoso.

5 – Hidrate-se

Nosso corpo precisa de água para estar ativo pois, quando nossas células estão desidratadas, elas absorvem todos os líquidos que ingerimos e isso causa aquela sensação de inchaço.

Para evitar esse problema, calcule a quantidade de água ideal para você:

Peso X 35 = Quantidade de água para consumir por dia

E como eu sou apaixonada por estratégias nutricionais, vou te dar uma dica para turbinar a água:

Receita 1: água com berinjela e limão

Corte a berinjela e coloque dentro da garrafa de água, depois coloque meio limão espremido. Deixe descansar por 6 horas e depois consuma.

Receita 2: água com hortelã e casca de maracujá

Coloque o hortelã e a casca de maracujá cortados na água e espere 6 horas antes de consumir.

A quantidade de berinjela, casca de maracujá e hortelã é a gosto. Se você gosta mais forte, pode caprichar nos ingredientes.

Faça 1 litro de água turbinada e consuma durante o dia para acelerar seu metabolismo e perceber uma grande diferença no seu corpo.

Gostou das dicas? Conte para a gente aqui nos comentários ou pelas redes sociais da Congelados da Sônia!

 

Nutricionista Clínica e funcional

Jailma Ferreira
Nutricionista Clínica e funcional
Especialista em Nutrição Oncológica pela SBNO
Pós graduada em:
Nutrição clínica, Nutrição funcional e esportiva

Postagens Relacionadas

Deixe uma resposta